sábado, 29 de agosto de 2015

Receita de não

Não
diz tudo
um não
onde o olhar titubeia.

Não
se convence
de ser não
se a voz raleia.

Não
é preciso
gritar nem requer
que a voz alteia.

Não
basta falar
mas deixar
que o outro leia.

Um comentário:

Ana Pereira disse...

Boa tarde
Passei pelo teu cantinho para te dar a conhecer o meu modesto espaço de poesia.
Espero que gostes. Um abraço, Ana Pereira
http://almainspiradora.blogspot.pt/